Uma empresa promissora oferece um contrato de trabalho. Se os números estiverem corretos, você não deve simplesmente dar uma olhada no contrato, assinar e comemorar? Não tão rápido. Empregador e empregado precisam ler atentamente o contrato, entender as leis trabalhistas e pedir a um advogado que analise os documentos relevantes. Aqui está um começo sobre o que procurar ao iniciar o processo de revisão do contrato.

Antes de assinar a carteira de trabalho, garanta a segurança do trabalho

Um empregado que está sendo contratado precisa saber os detalhes da contratação, tais como possíveis benefícios, horas de trabalho, piso salarial, prazo do contrato de experiência e mais. Isso vai garantir a segurança necessária para que a assinatura da carteira de trabalho te garanta não apenas os benefícios trabalhistas, mas também uma boa prospecção de carreira.

A assinatura de carteira de trabalho deve vir precedida de outras informações na carteira

Os empregadores devem preencher informações na carteira de trabalho antes da assinatura, tais como carga horária de trabalho, remuneração, data de início e anotações, tais como prazo de experiência, entre outros. Esses dados são tão ou mais importantes do que a assinatura em si, pois são a base da relação de trabalho que será estabelecida.

Remuneração e benefícios na carteira de trabalho

Qual é o seu salário base? O bônus é garantido ou discricionário? Quem decide se você atendeu aos critérios para um bônus com base no desempenho? Quão objetivo são esses critérios? Os benefícios são garantidos ou modificáveis ​​por capricho do empregador. Certifique-se de todos os tipos de compensação são detalhados.

Descrição do trabalho antes de assinar

Se você concordar em ficar trancado em um emprego por um período de anos, certifique-se de que é o trabalho que você acha que é. Garanta que os detalhes e atribuições são especificados antes da assinatura da carteira da carteira, mesmo que seja com um documento descrevendo o cargo.

Assinatura de carteira de trabalho

Saiba como fazer a assinatura na carteira de trabalho para evitar problemas legais com os trabalhadores. (Foto: Veja)

Cuidado com as restrições do empregador

Se você planeja fazer qualquer trabalho freelance ao lado, certifique-se de que o contrato não o proíba de fazer isso. Especialmente nesta economia, muitas pessoas tem mais de um emprego, e muitos empregadores terão uma oferta exclusiva de emprego. Garanta que seu sindicato tem uma cláusula para estes casos, ou que seu empregador seja bem claro sobre as atividades que você pode exercer além do seu trabalho.

Como assinar a carteira de trabalho?

Com tudo isso verificado, basta que o empregador preencha as informações que faltam e assine a carteira de trabalho, acrescentando as informações necessárias. Em muitas empresas, essa assinatura é terceirizada para a contabilidade ou o setor de recursos humanos. O sindicato poderá te ajudar, caso você ache que a carteira tenha sido preenchida de forma incorreta ou incompleta.

Seja mais inteligente com sua carreira

Os contratos de trabalho e assinatura de carteira de trabalho podem ser complicados, mas são cruciais para sua carreira. Essas considerações não são, de forma alguma, uma lista exaustiva, e existem inúmeras variações estaduais e locais na legislação trabalhista. Quer aprender mais maneiras de se manter no topo da sua carreira? Acompanhe nosso blog. Ao acompanhar nosso blog você irá receber sempre notícias quentes sobre o mundo do mercado de trabalho e se atualizar sempre, ficando um passo a frente dos concorrentes. E não se esqueça que o espaço de comentários abaixo está aberto para suas dúvidas.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)