Como calcular hora trabalhada?

Em Legislação trabalhista e MTE por André M. Coelho

Determinando as horas que os membros da sua equipe trabalham podem ajudá-lo a garantir que eles recebam o valor correto. Existem muitos métodos que você pode usar para rastrear e calcular horas trabalhadas. Você deve escolher o método de hora certa e ensinar os membros da sua equipe a usá-lo, então todas as horas trabalhadas são contabilizadas.

Neste artigo, vamos explicar passo a passo como calcular as horas de trabalho.

Como calcular hora trabalhada?

Siga estas etapas para calcular horas trabalhadas:

1. Determine o começo e o final

Se você estiver usando um método manual, como um quadro de horário físico, precisará determinar as vezes que os membros da sua equipe entraram e saíram cada dia do período de pagamento.

Exemplo: Um funcionário começou a trabalhar às 7:45 da manhã e terminou as 5 horas.

2. Converta o relógio para 24 horas

Para converter tempo para o tempo militar, você pode adicionar 12 às horas da tarde, e as horas da manhã permanecem as mesmas. Você também não precisa usar a.m. e p.m. Como a manhã e as noites serão diferentes.

Exemplo: 7:45 a.m. torna-se 7:45 horas, e 5 horas. torna-se 17:00 horas.

3. Transforme os minutos em decimais

Para converter os minutos em decimais, você pode dividir os minutos em 60.

Exemplo: 7:45 representa 7 horas e 45 minutos. Divida 45 por 60 para obter 0,75. Neste formato, 7:45 se torna 7,75 e 17:00 se torna 17.

4. Subtrair a hora de início a partir do horário final

Para encontrar o total de horas, subtraia o tempo em que o empregado é cronometrado de quando eles dispararam.

Exemplo: 17 – 7,75 = 9,25

5. Subtrair o tempo não remunerado

Você pode precisar subtrair o tempo em que um funcionário tira uma pausa não remunerada, como indo para uma consulta de um médico.

Exemplo: o funcionário levou uma pausa de almoço de uma hora a mais do que o normal para ir ao médico. 9.25 – 1 = 8.25. O total de horas trabalhadas para esse dia é 8,25.

Com esta informação, você pode calcular o salário bruto, multiplicando as horas trabalhadas pelo salário horário.

Calculando as horas trabalhadas

Calcule as horas trabalhadas para saber quanto está ganhando pelo tempo trabalhado. (Imagem: ITM Platform)

Como acompanhar as horas dos funcionários?

É importante manter um registro preciso de todas as horas que os membros da sua equipe funcionam para receberem pagamento por todo o seu trabalho. Também ajuda a ter registros detalhados no caso de uma auditoria. Aqui estão algumas maneiras de rastrear suas horas de funcionários:

Cartões de horários manuscritos: Os funcionários podem anotar suas horas trabalhadas em um documento e encaminhá-lo para seu empregador. É comum que os funcionários enviem um timecard manuscrito uma vez por semana ou a cada duas semanas.

Relógio de ponto mecânico: Um relógio de tempo mecânico é um dispositivo no qual os funcionários colocam um Papel de Horários quando começam e param de funcionar. A máquina marca a data e a hora no cartão, e o empregador pode calcular horas trabalhadas com essas informações.

Relógio de ponto eletrônico: o relógio de ponto eletrônico segue o mesmo princípio como um mecânico, mas é sem papel. O funcionário apresenta um crachá na frente do dispositivo, e selos de um ponto digital para registrar data, início e hora final. Alguns pontos eletrônicos podem operar com uma impressão digital ou número PIN em vez de um crachá.

Software de relógio de ponto: Os funcionários podem gravar seu tempo de trabalho com software de relógio em computadores ou dispositivos móveis. Eles fazem login em um site ou aplicativo, basta clicar em um botão para dentro e fora. Alguns softwares podem ser habilitados para a localização para garantir o relógio dos funcionários dentro e fora enquanto estiver no trabalho. O software calcula automaticamente horas trabalhadas por período de pagamento.

O que é um funcionário de horário integral?

O tempo integral é o tempo máximo que um funcionário pode funcionar em um determinado período. A CLT é uma consolidação de leis federais que define, um limite superior no número de horas que os funcionários podem funcionar toda semana. O limite normal para CLT é de 44 horas de trabalho, e horas adicionais são consideradas horas extras.

Os empregadores podem definir quantias diferentes para o horário integral, desde que não exceda 44 horas por semana. Por exemplo, uma empresa poderia considerar 32 horas por semana em horário integral para seus funcionários. As empresas que têm 50 funcionários ou mais podem oferecer benefícios, como seguro de saúde, para seus funcionários se trabalharem em horário integral.

O que é horário parcial ou trabalho de meio período?

O horário parcial é qualquer momento de trabalho abaixo do limite de tempo integral conforme definido pelo empregador. Não há regulamentações sobre quantas horas por semana é a tempo parcial. Os empregadores geralmente definem o limite superior das horas a tempo parcial na metade das horas em tempo integral ou um pouco mais. Por exemplo, uma empresa poderia definir um horário parcial ou trabalho de meio período a 20 a 25 horas por semana.

Uma posição de meio período geralmente não vem com os mesmos benefícios que um trabalho em tempo integral. Algumas empresas podem oferecer benefícios para funcionários a meio período, embora não sejam obrigados a fazê-lo.

O que são horas extras?

Horas extras são as horas que um funcionário funciona que exceda em tempo integral. De acordo com a CLT, a taxa de pagamento para as horas extras é de 1,5 vezes a taxa horária regular. Este número é chamado de hora e meio. Os empregadores podem optar por pagar mais do que o tempo e meio.

Por exemplo, se o salário horário for de R$10, você multiplicará este número por 1,5 para obter a taxa de horas extras:

R$10 x 1,5 = R$15

Se um funcionário ganha R$10 por hora e trabalha 47 horas por semana, a hora extra até três horas. Para calcular o pagamento dessa semana, você calcularia seu pagamento na taxa padrão para as primeiras 40 horas, depois o tempo e meio para as horas extras:

(R$10 x 40) + (R$15 x 3) = R$400 + R$45 = R$445

As empresas não são obrigadas a pagar horas extras para os funcionários assalariados e os funcionários de hora em hora a hora precisam exceder 40 horas por semana para ganhar pagamento extraordinário.

Ficou alguma dúvida? Deixem nos comentários suas perguntas!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

André é pós-graduado em pedagogia empresarial, especializando na padronização de processos. Possui mais de 300 horas em cursos relacionados à administração de empresas, empreendedorismo, finanças, e legislação. Atuando também como consultor e educador empresarial, André escreve sobre Recursos Humanos desde 2012.

Deixe um comentário