Já tentou fazer um concurso? Se você é como a grande maioria dos brasileiros, você já tentou um concurso e teve que passar pelo tedioso processo da leitura de um edital. São vários termos, jargões, artigos, explicações, fórmulas, matérias, conteúdo programático, critérios seletivos. Enfim, se ficasse falando aqui tudo que tem dentro de um edital, eu provavelmente gastaria o artigo todo escrevendo só sobre isso, mas esse não é nosso propósito. Vamos buscar entender e explicar um pouco a complexidade dos editais de concursos e os resultados destes.

Por que os editais de concursos são tão difíceis de ler?

Há no Brasil uma cultura da “burrocracia”. Essa “burrocracia” é a mesma que complica a cada dia mais nossa legislação e dificulta que nossos políticos, amados ou não, mudem alguma coisa no país. Enquanto a dinâmica do mercado é alta e flexível, a dinâmica do Governo em toda a sua extensão é lenta, morosa, devagar quase parando.

Os editais são resultados dessa complexidade. Um mínimo erro legal dentro do edital pode ocasionar a anulação do mesmo. Como você pode imaginar, uma anulação de um edital, principalmente após a prova, gera altos custos para os responsáveis pelo concurso, seja uma empresa que venceu uma licitação ou algum órgão do Governo.

De certa forma, a “burrocracia” acaba protegendo os concurseiros, garantindo que o edital é legal e está de acordo com as nossas leis. Por outro lado, ela cria uma necessidade de esmiuçar cada edital para detalhes importantes que podem atrapalhar enquanto você estiver passando pelas etapas do processo de seleção de um concurso.

Por que os resultados dos concursos são complicados de ler?

Basicamente, pelos mesmos motivos da complicação dos editais. Junte isso com a necessidade de mostrar todas as notas, como foram utilizados as fórmulas dos editais, a infraestrutura necessária para mostrar a pontuação, e temos a complicação encerrando seu ciclo, para quem passou no concurso, e começando o outro, para quem for ter que estudar ainda mais.

Os resultados em PDF, que ficam disponíveis para download, são mais complicados ainda, com vários números, datas, valores. Porém, novamente estamos presos ao “padrão burrocrático”. Ter uma formatação melhor para quê, se do jeito que está todo mundo entende? Essa é a filosofia do Governo e dos responsáveis pelas provas.

Editais complicados

Como não temos como forçar um edital melhor elaborado, o jeito é trabalhar para compreender melhor aqueles que já existem. (Foto: portalpioix.com)

Como um edital poderia ser descomplicado?

Uma aula de design e diagramação minimalistas seriam bem vindas para a maioria dos responsáveis por editais. Mas como sabemos que isso foge muito à realidade, uma das formas mais simples seria apresentar um resumo do edital com as informações mais importantes, assim como resultados simplificados ao final do concurso.

No caso de coisas que você pode fazer hoje para simplificar os editais, você pode focar seus esforços de compreensão nos seguintes tópicos de cada edital:

Inscrição

Período de abertura e encerramento das inscrições. Cuidado para não perder prazos.

Atribuições

Atribuições da função escolhida e a remuneração oferecida, evitando que você abandone o cargo ou passe em um concurso para uma profissão não tão desejada por você.

Fases

Conheça e compreenda todas as fases do concurso, se preparando para cada uma delas.

Conteúdo

Parte mais importante do edital. Afinal, vai definir o que você tem que estudar para se dar bem no concurso.

Prova

Data, local e horário de realização dos exames, além de regras essenciais como se pode ou não levar objetos pessoais como relógios, o tipo de caneta que deve ser usado, entre outros fatores importantes. Outra coisa importante é o modelo da prova: aberto ou fechado? Essencial para que você pratique do jeito certo!

Critério de correção

Peso e quantidade das questões de cada disciplina. Você deve entender se a prova é do tipo que tira pontos por cada questão errada ou é uma prova apenas de pontuação. Entendendo isso você irá evitar de fazer chutes e acabar se afundando na pontuação.

Resultados

Saiba a data estimada para os resultados e principalmente, os prazos para recursos, principalmente em provas abertas. Entendendo isso você vai controlar um pouco sua ansiedade e também não vai perder sua chamada para o cargo, caso passe.

Ficou alguma dúvida sobre como você pode melhor a compreensão sobre os editais? Vocês tem alguma sugestão de como lidar com editais de melhor forma? Compartilhem conosco suas ideias e façam a vida de muitas pessoas mais fácil!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)