O seguro desemprego é um benefício que todo trabalhador brasileiro recebe para garantir o sustento após uma demissão sem justa causa. Mas quantos meses dura o seguro desemprego? Qual o valor das parcelas? Quantos meses preciso trabalhar para receber o seguro? Vamos entender esses fatores para esclarecer as dúvidas mais comuns dos trabalhadores.

Quantos meses recebo o seguro desemprego?

A quantidade de parcelas a serem recebidas pelo trabalhador dependem da quantidade de meses trabalhados e em qual solicitação do seguro o trabalhador está.

Primeira solicitação do seguro desemprego

  • 4 parcelas do benefício após um tempo mínimo de trabalho de 18 meses com carteira assinada.
  • 5 parcelas do benefício após um tempo mínimo de trabalho de 24 meses com carteira assinada

Segunda solicitação do seguro desemprego:

  • 4 parcelas do benefício após  um tempo mínimo de trabalho de 9 meses com carteira assinada.
  • 5 parcelas do benefício após  um tempo mínimo de trabalho de 12 meses com carteira assinada.

Terceira solicitação do seguro desemprego:

  • 3 parcelas do benefício após  um tempo mínimo de trabalho de 6 meses com carteira assinada.
  • 4 parcelas do benefício após  um tempo mínimo de trabalho de 12 meses com carteira assinada.
  • 5 parcelas do benefício após  um tempo mínimo de trabalho de 24 meses com carteira assinada.
Seguro desemprego

Entenda melhor as informações sobre o seguro desemprego para se planejar e saber como receber corretamente o seguro. (Foto: Salário Mínimo)

Valor do seguro desemprego

O valor do seguro desemprego é ajustado anualmente para ficar de acordo com o salário mínimo. A tabela está disponível no site do MTE. Para o cálculo, são considerados os seguintes critérios:

  • Soma ou média dos 3 últimos salários
  • Recebimento prévio do seguro desemprego (se o trabalhador já recebeu o benefício antes) e o tempo que tem desde esse recebimento.
  • Quantos meses de trabalho tem o trabalhador

Assim, são estabelecidos os valores e as parcelas às quais o trabalhador tem direito a receber. Vale lembrar que os valores, geralmente, não são os mesmos que o salário que era recebido pelo trabalhador, o que torna mais atrativo procurar um emprego novo logo.

São 4 faixas de parcelas para o seguro desemprego, sempre garantindo um recebimento mais baixo do que o salário do empregado. Por exemplo, para a faixa mais baixa de recebimento do seguro desemprego, a média dos salários é multiplicada por 0,8, o que significa uma redução de 20% nos seus ganhos. Para as médias salariais da última faixa de recebimento do seguro desemprego, as perdas são ainda maiores.

Ficou alguma dúvida sobre o valor e os meses para receber o seguro desemprego? Deixem suas perguntas nos comentários abaixo! Estamos aqui para ajudar!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)