Ansiedade é um dos maiores males do mundo moderno. Talvez um dos maiores causadores de doenças e problemas psicológicos, a ansiedade, quando não tratada, pode facilmente levar à depressão. Uma ansiedade leve é uma reação natural a uma situação qualquer, um instinto de sobrevivência. É quando essa preocupação sobre o futuro sai do controle ou te impede de ter uma rotina normal é que as coisas se complicam. Use a sua ansiedade no caminho certo, e você pode ter ela como uma aliada na produtividade e pro atividade. Aqui estão alguns passos para te guiar nesse caminho.

Um aviso: lembre-se que a ansiedade é uma reação natural, uma parte de você

Muitas vezes a ansiedade gera mais ansiedade. Sentir-se culpado ou frustrado por seus sentimentos de ansiedade só vai amplificá-los. Se desespere sobre o fato de que você está ficando ansioso. Você vai querer entender a ansiedade em vez de julgá-la e perder a cabeça com ela. Lembre-se sempre que esta é uma reação natural que a mente e o corpo tem em situações de incerteza. Não há nada de errado em ter esse sentimento. Porém, o primeiro passo é reconhecer isso.

Esvazie a mente para poder acalmar sua ansiedade

Coloque todas as suas preocupações em um papel. Deixar suas ansiedades escritas pode ser catártico, um momento de meditação. Isso permitirá que você deixe algumas dessas preocupações simplesmente irem embora. Muitas vezes, vendo os seus pensamentos na forma escrita pode dar-lhe uma perspectiva mais objetiva e ajudá-lo a separar realmente os elementos com os quais tem que se preocupar.

Como transformar ansiedade em produtividade

A ansiedade no trabalho pode ser traduzida em produtividade, mas você tem que saber fazer essa tradução, transformando esse excesso de energia da ansiedade em coisas boas para sua rotina. (Foto: www.hongkiat.com)

 

Sua ansiedade pode ser uma preocupação produtiva ou uma preocupação improdutiva

Temos ansiedade produtiva e ansiedade improdutiva. Uma ansiedade improdutiva é aquela sobre a qual nós não temos controle. Muitas vezes, isso tem a ver com outras pessoas ou questões globais além do nosso controle. Se você reconhecer isso como uma preocupação improdutiva, você pode dizer a si mesmo: “não há nada que eu possa fazer sobre isso e é um desperdício de tempo ficar pensando nisso”.

A preocupação produtiva, por outro lado, é uma sobre a qual você pode tomar medidas ativas para aliviar. Se você está preocupado sobre uma apresentação no trabalho, por exemplo, esta é uma ansiedade produtiva. Neste caso, você pode reconhecer a sua ansiedade e descobrir passos a tomar, afim de tornar-se mais preparado para que você não fique suando de nervosismo durante a apresentação, gagueje, ou que não tenha um backup de seus arquivos, por exemplo.

Aborde sua ansiedade de forma positiva

Ter pensamentos pessimistas pode ser um gatilho para agir de uma forma positiva. Quando você se sente ansioso, você precisa fazer algo sobre isso. Quando as pessoas entram nesse modo defensivo mas que, de certa forma, ainda é positivo, eles criam baixas expectativas, mas depois dão o próximo passo, que é pensar através de formas concretas e vivas o que exatamente pode dar errado. Um exemplo bem claro é o de falar em público. Se você tem medo de falar na frente do pessoal do escritório, quais são os seus medos específicos? Talvez você esteja com medo de tropeçar, derramar água no chão ou que uma tecnologia falhe. Você pode tomar medidas para evitar isso. Procure por quaisquer cabos soltos no local de apresentação e teste seus arquivos no local da apresentação para se certificar que tudo funciona. Tome medidas ativas para ajudar a evitar os erros sobre os quais você está ansioso para melhorar o seu desempenho.

Pense na ansiedade para a produtividade como um impulso de energia e motivação

Ansiedade dá-lhe uma corrida de energia e adrenalina, diz Orma. Concentre-se que a energia para o bem e você pode melhorar o seu desempenho. Isto é algo que os atletas profissionais, que muitas vezes admitem borboletas antes de um jogo importante ou competição, fazer para ficar mais focado e dirigido.

Ansiedade e produtividade: relação como excitação!

Ansiedade e excitação tem muitos dos mesmos sintomas. Ambos tendem a aumentar sua taxa de batimentos cardíacos e torná-lo mais alerta. As pessoas pensam da ansiedade como algo negativo e a excitação como algo positivo. Pensando em sua ansiedade como excitação pode ajudá-lo a evitar se deixar levar para baixo por sentimentos negativos, incentivando a sua produtividade.

Afaste-se da ansiedade quando ela estiver começando a pesar sobre seu trabalho

A ansiedade está muitas vezes no seu pior nível quando você está agonizando sobre uma decisão ou situação. Quaisquer sentimentos de pânico que você tem devem ser um momento para se afastar, para se distanciar, antes que você perca o controle e mine toda a sua produtividade.

Como você transforma sua ansiedade em produtividade ou você tem dificuldades em lidar com a ansiedade?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)