Uma pausa na rotina diária, dormir até tarde, comidas exóticas, vistas deslumbrantes e muito material para suas contas de mídia social são apenas alguns dos motivos pelos quais você pode contar os dias para suas próximas férias.

Você provavelmente está menos empolgado com a ressaca financeira que te atinge uma vez que volta à realidade e percebe que acumulou dívidas, além de lembranças fascinantes. Se você planeja com antecedência, existem várias maneiras de evitar dívidas nas férias, para que você possa aproveitar ao máximo o seu tempo e pular o blues pós-férias.

Embora você possa se concentrar no seu itinerário de viagem durante a preparação das férias, a criação de um plano de economia antes da viagem pode ser uma maneira eficaz de planejar férias sem se endividar. Siga este guia passo a passo como uma maneira de evitar dívidas de férias e ainda aproveitar ao máximo seu tempo.

Quanto devo receber nas férias? E depois?

Quem vai entrar de férias por 30 dias receberá o dinheiro das férias até 48 horas antes de trabalhar. Ele receberá o valor integral do salário, somado com 1/3 do salário (adicional de férias) e com a redução dos descontos, como IRRF e INSS.

O empregado que vender 1/3 das férias ainda receberá 1/3 adicional no salário, ou seja, o valor dos dias vendidos, descontados o INSS e o IRRF.

O funcionário poderá também antecipar a primeira parcela do 13º. Desta parcela, será descontado o INSS e o IRRF.

Depois das férias, o funcionário não receberá salário. Então, antes das férias, você receberá o equivalente a 2 salários, mais os adicionais devidos. Você deverá se programar para manter suas finanças em dia depois das férias para controlar suas contas.

Estime seus custos de férias

Para planejar férias sem endividar-se, você precisa saber quanto economizar com antecedência. Obter uma noção precisa do custo da sua viagem pode exigir alguma pesquisa da sua parte.

Você precisa somar quatro despesas principais por dia: acomodação noturna, gastos com refeições, transporte e atividades diárias. Calcule um custo médio por dia disso.

Você pode estimar o custo de suas acomodações noturnas, definindo os locais onde gostaria de ficar (você encontrará uma ampla variedade de custos em hotéis, albergues e aluguéis de temporada).

Pode ser mais difícil finalizar onde você estará comendo e se aventurando com antecedência – especialmente se você gosta de fazer escolhas em tempo real durante as férias – mas você pode consultar os blogs de viagem para obter o custo médio dos restaurantes e atividades em seu destino de viagem como forma de evitar dívidas nas férias.

Se você preferir uma cópia impressa ou estiver procurando uma leitura noturna antes das férias, os guias de viagem podem ser uma boa fonte dessas informações.

Se você estiver tirando férias com tudo incluído, estimar seus custos de viagem pode ser muito mais simples. Mas, para planejar férias sem endividar-se, você precisa confirmar exatamente o que está coberto em sua taxa e o que pode resultar em uma despesa adicional (pense em excursões ou refeições especiais).

Em caso de dúvida, sempre superestime em vez de subestimar e seja realista em suas estimativas. Também é aconselhável deixar espaço de manobra para custos inesperados, guloseimas e lembranças que podem chamar sua atenção durante a viagem. E não se esqueça dos custos do dia a dia, ou seja, as contas de casa.

Crie uma meta mensal de economia

Depois de determinar quanto custará sua viagem, uma das principais maneiras de evitar a dívida de férias é economizar metodicamente. Crie você mesmo uma meta de economia final e economize dinheiro em intervalos regulares, como todo salário ou todo mês.

Você pode considerar abrir uma conta poupança para o seu fundo de férias para ficar menos tentado a gastá-lo em outra meta financeira ou em gastos discricionários. A automação de suas economias com depósito direto também pode ajudá-lo a criar seu fundo de férias no piloto automático.

Se você já tem suas férias marcadas no calendário, divida seu custo estimado de férias pelo número de meses que você tem entre agora e sua viagem. Se você planeja gastar R$3.600 para férias em 12 meses, por exemplo, almeje economizar R$300 por mês.

Se você não tem uma data de viagem específica em mente, mas ainda procura maneiras de evitar dívidas nas férias, revise seu orçamento para determinar onde pode cortar os gastos para gastar os fundos das suas férias.

Procure maneiras fáceis de economizar nas despesas diárias, identificando extras que você pode viver sem (mesmo que seja a curto prazo), como jantar fora, pacotes de cabos premium, assinaturas não utilizadas ou um hábito de café sofisticado todas as manhãs antes do trabalho. Você pode usar esses fundos do seu orçamento para planejar férias sem se endividar.

Dinheiro para as férias

Organize suas finanças para que suas férias não acabem com seu dinheiro rapidamente. (Foto: WordPress.com)

Encontre maneiras de ganhar mais dinheiro

Enquanto muitos tentam reduzir gastos desnecessários como uma das maneiras de evitar dívidas nas férias, você também deve se concentrar em ganhar mais dinheiro através de trabalhos que você pode fazer enquanto trabalha em período integral.

Uma tática que pode ser fácil de incluir em sua agenda já lotada é vender coisas que você não está usando ou que não deseja mais. A maioria das pessoas tem até alguns itens não utilizados dos quais pode se separar.

Você também pode identificar outras maneiras de ganhar dinheiro com fundos de férias. Isso pode ser feito com a obtenção de empregos paralelos participando da economia compartilhada ou alugando sua casa ou um cômodo.

Seja flexível com suas finanças de férias

Outra maneira de evitar dívidas de férias é ter alguma flexibilidade em seus planos de viagem.

Uma boa estratégia de economia de viagens é viajar durante a baixa temporada. Fora da estação é geralmente o momento menos popular para visitar quando o clima de um destino não é tão bom. Entretanto, as multidões tendem a diminuir, e os preços de acomodações e passagens aéreas geralmente não são tão caros.

Tenha uma lista de lugares que você quer visitar. Então, se as companhias aéreas estão oferecendo voos baratos para um lugar que é o número 20 da minha lista, essa é a sua próxima viagem.

Se você não definir a duração da sua viagem, aproveitar apenas uma escapada de fim de semana pode ser uma oportunidade de viajar com orçamento limitado.

Mantenha-se motivado para a estabilidade financeira

Concentrar-se no seu objetivo de economizar para planejar férias sem se endividar pode ser um trabalho árduo. É por isso que é importante encontrar maneiras de se motivar, especialmente se suas férias ainda estão longe.

Recomenda-se seguir blogs e contas de mídia social de viajantes que você admira ou destinos que você espera visitar para se cercar de incentivos para manter seu plano de economia de férias.

Ver fotos e histórias de viagens de pessoas que estão indo para os mesmos lugares que você visitará em breve pode ser emocionante e ajudar a diminuir o sofrimento de salvar e fazer sacrifícios.

Cada vez que você recusar um café ou uma refeição, pense no que ganhará em sua viagem

Você também pode acompanhar o progresso que está alcançando em sua meta de poupança, verificando regularmente seu saldo. Ver a soma desses fundos pode ser encorajador e pode motivá-lo a economizar ainda mais como forma de evitar dívidas de férias.

Aproveite suas férias

Parabéns! Você economizou e é hora de aproveitar suas férias. Antes de partir, lembre-se de uma das formas finais de evitar dívidas nas férias.

Enquanto você estiver de férias, tente não gastar mais do que o normal ou o que está orçado para a sua viagem. É assim que as pessoas enfrentam problemas. Eles vão a restaurantes caros que nunca fariam em casa porque estão de férias. Essa é uma receita para a ruína financeira e não o relaxamento.

No entanto, se você pode estimar seu orçamento de férias, elaborar um plano de poupança e cumpri-lo, não precisa se preocupar. Você realmente pode encontrar maneiras de evitar dívidas de férias. Se você realmente quer fazer essa viagem, pode. As lembranças ao longo da vida e as experiências de viagem valerão a pena.

Como vocês se planejam para as férias? Quais dicas financeiras segue para garantir suas finanças em dia?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)