Na segunda feira dia 26/12/2011 o decreto da presidente Dilma Rouseff reajusta o salário mínimo de 2012 para o novo valor de R$ 622! A nova tabela do salário mínimo só entra em vigor a partir do dia 1º de janeiro de 2012, sendo efetivamente sentido pelo trabalhador no pagamento recebido em fevereiro.

O texto que informa este evolução do salário mínimo é o seguinte: “valor diário do salário mínimo corresponderá a R$ 20,73 e o valor horário a R$ 2,83”.  O valor do salário mínimo de 2011 foi de R$ 545 reais, o que significa que o aumento de 14,13% em números absolutos.

O reajuste que dá o novo valor do salário mínimo vigente foi assinado pela presidente Dilma pouco antes de suas férias, usando o cálculo aprovado em fevereiro de 2011 ano pelo Congresso.

Agora a nova regra para reajuste do salário mínimo irá usar como base a inflação do ano anterior mais a soma do crescimento da economia de dois anos anteriores. Portanto neste caso o mínimo foi reajustado com base na inflação do ano de 2010 e o PIB de 2009. Seguindo esta nova fórmula de cálculo o salário mínimo poderá passar de R$ 800 em 4 anos.

Um dado interessante é que cada R$ 1 de aumento no salário mínimo significa para o governo um gasto de R$ 300 milhões, nada muito grande se comparado ao aumento que os deputados e vereadores votam todo fim de ano para o próprio salário, como ocorreu em Belo Horizonte neste final de 2011.

Com este aumento de R$ 77  no salário mínimo de 2012, o governo precisará de mais 23 bilhões de reais para pagar a todos, inclusive os aposentados.

Salário mínimo - reajuste de valor

Reajuste do novo salário mínimo para 2012

A partir do dia 1º de janeiro de 2012 o salário mínimo vai para R$ 622,73, mas segundo o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos), o salário mínimo necessário para atender o que a Constituição determina deveria ser de R$ 2212,66.

2 comentários para “Novo salário mínimo – reajuste 2012”

  1. Marcia

    Minha fábrica está em greve temos direito de receber o décimo terceiro

    Responder
    • Equipe Ponto Rh

      Marcia, geralmente a greve não tira os direitos do trabalhador, como o décimo terceiro. Mas confirme essa informação com o sindicato da sua categoria.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)