Todos nós queremos saber qual a compensação esperar quando se está à procura de um emprego. Infelizmente, nem todos os empregadores indicam a sua faixa salarial nas posições que anunciam ao público. Alguns sequer lhe dizem antecipadamente antes de entrar para a entrevista.

Seu tempo é valioso e você não quer desperdiçá-lo indo para entrevistas que não estão em sua faixa salarial. Se a posição paga muito, é provável que você seja visto como não qualificado o suficiente. O oposto é verdadeiro para empregos que pagam muito menos do que você já está acostumado a ganhar.

Toda essa economia de tempo se torna uma realidade maior ainda quando pesquisando o salário de um cargo que você deseja. Enquanto um cargo “normal” e generalizado é mais fácil de encontrar, algumas posições são mais complicadas de descobrir a faixa salarial, precisando de um pouco de trabalho investigativo de pesquisa de sua parte.

Comece buscando informações salariais online

Para reduzir os riscos de aceitar um salário muito mais baixo do que a posição oferece, pesquise online pelo salário pago a pessoas no cargo que você deseja. Você deverá pesquisar em sites de vagas de emprego, sites de sindicatos de categoria, pesquisar pelo piso salarial da categoria desejada, sites de empresas de RH.

Existem redes sociais especializadas em contatos profissionais. Você pode pesquisar por pessoas que trabalhem no cargo que você procura e perguntar a elas o salário que ganham ou acessar fóruns de discussão para ter mais informações sobre isso.

É importante que você considere também os valores de benefícios, como previdência privada, planos de saúde, auxílio alimentação/refeição, auxílio transporte, auxílio moradia, bônus, e outros benefícios que você julgar necessário pesquisar para o cargo desejado.

Com os dados em mãos e uma ideia geral do que esperar do cargo, é hora de ir a campo para sua pesquisa.

Pesquisando salários de cargos diferentes

Sua primeira fonte de informações deve ser a internet, mas em hipótese alguma deve ser a única fonte para saber o salário de seu cargo desejado. (Foto: www.techyville.com)

Comece a entrevistar e perguntar pessoas por informações

É claro que não há substituto para ouvir sobre faixas salariais atuais de pessoas que conhecem bem a posição e o mercado, tais como recrutadores e agências de emprego, por exemplo. Os que se especializam em seu campo desejado devem ser capaz de dar-lhe as últimas novidades sobre o que os empregadores em sua localidade estão pagando às pessoas que têm os tipos de habilidades e experiência que você possui.

Você também pode se apossar desta informação se você tiver contatos de redes que trabalham para o tipo de organizações que você está esperando tentar um emprego.

Esse trabalho de “networking” pode demandar um bom tempo. Significa buscar contatos em redes sociais, pedir ajuda a amigos, conversar com colegas de trabalho, ex colegas, ex empregadores e até empresários do ramo. Assim que você tiver informações que julga suficientes, é hora de casar os dados com os que você obteve online e traçar um cenário mais específico para o cargo almejado, incluindo o salário por região, por tempo de experiência e outros.

Conhecimento é poder

Para estar preparado para negociar suas ofertas de emprego e estar na faixa certa quando se candidatar ao novo cargo você precisa ter uma ideia geral do cenário salarial para o cargo almejado. Em seguida, descubra com antecedência o que os empregadores estão realmente pagando. Pode significar passar por algumas entrevistas e se decepcionar algumas vezes, mas toda experiência é válida até encontrar o preço justo pelo seu trabalho.

Você já teve que pesquisar quanto pagava um cargo específico? Como você descobriu essa informação? Compartilhe suas técnicas nos comentários abaixo!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)