Você já deve ter ouvido falar no QI, o quociente de inteligência. Ser inteligente é muito importante nas nossas vidas e o QI pode ser trabalhado para aumentar ao longo da vida. Mas não é desse QI que estamos falando. Uma referência de trabalho pode ser a melhor maneira de obter o seu currículo um olhar mais atento na hora da contratação. É ainda melhor quando a pessoa referindo você para um trabalho pode levar um par de minutos para, pessoalmente, encaminhá-lo para o gerente de contratação. As referências são a fonte de contratações no mundo corporativo. E por uma boa razão. Pessoas contratados por referência não apenas ficam mais tempo em seus empregos, mas também tem melhor desempenho ao longo do tempo. Isso está diretamente relacionado ao networking e ao QI, que neste caso específico quer dizer Quem Indica.

O QI como Quem Indica você para um trabalho

É provável que você já tenha ouvido algum amigo ou colega falando que para tal emprego ou cargo você precisa de ter Quem Indica. Isso é muito comum, principalmente ao levar em consideração que os custos para o processo de entrevista são bem caros e ver seu dinheiro sendo investido em alguém que não trará resultados positivos para a companhia. Por isso, um bom networking e ter pessoas que podem ser seu QI para um ou mais empregos é crucial no mercado de trabalho.

Como obter um QI melhor?

Há duas formas de se fazer isso hoje em dia: online e offline. Comece por verificar algumas referências no site LinkedIn. Busca por nome da empresa, em seguida, clique na empresa que você está interessado. Você verá uma lista de contatos em sua rede que podem ser capazes de te ajudar. O melhor tipo de encaminhamento para um emprego é uma referência de funcionário, no entanto os clientes, fornecedores e outras pessoas que estejam relacionadas com a empresa podem ser capaz de ajudar também. Faça amizades com estas pessoas, troque contatos, estabeleça relações profissionais. Outra forma online é pelo BranchOut, um aplicativo do Facebook que ajuda a encontrar seus amigos em empresas de interesse. Procure pelo nome da empresa e você verá uma lista de seus amigos do Facebook na empresa. Então, você pode enviar mensagens para ver se eles podem ajudar com sua busca de emprego. Já offline, a única forma mesmo é aumentando sua rede de amigos. Peça aos seus amigos para chamar mais pessoas para o Happy Hour. Deixe que eles chamem  mais pessoas e conversem de vários assuntos, não só trabalho. Boas referências surgem de amizades, do companheirismo, e não de pessoas interesseiras. Pense nisso muito bem ao começar a estabelecer suas relações.

Quem indica para empresas

Quem indica sempre foi um dos principais critérios de seleção em empresas. Não há como fugir disso. (Foto: twitter.com)

Como pedir uma referência?

Mais importante do que o QI é saber como pedir pela indicação. Você pode pedir uma referência, enviando uma carta à moda antiga, telefone, através do envio de uma mensagem de e-mail, ou através do envio de uma mensagem em um site de redes como o LinkedIn ou Facebook. Você pode pedir pessoalmente, explicando também porque quer o cargo, o que te faz melhor para a posição e mostrando suas qualidades profissionais. Quando você pedir a alguém para indica-lo, não pergunte “Você poderia escrever uma carta de referência para mim?” ou “Você pode me indicar?” Qualquer um pode escrever uma carta ou dizer que vai indicá-lo. O problema pode ser o que eles vão dizer. Em vez disso, pergunte: “Você acha que conhece o meu trabalho bem o suficiente para me referir a um emprego em sua empresa?” ou “Você acha que você poderia me dar uma referência?” Dessa forma, o seu QI tem uma forma de recursar não se sentirem confortáveis proporcionando uma referência para você e você pode ter certeza que aqueles que dizem “sim” vão estar entusiasmados com o seu desempenho e vão escrever uma carta positiva ou dar-lhe um apoio forte.

Instrua seu QI bem

Especialmente quando você não conhece a pessoa que você está pedindo muito bem ou se não estiver familiarizado com seu histórico de trabalho atual, se ofereça para fornecer uma cópia atualizada de seu currículo e informações sobre suas habilidades e experiências de modo que o QI tenha referência à informações atuais para te indicar. Vale explicar algumas dúvidas e também pedir para que ele foque em uma ou outra habilidade sua, dependendo das exigências do cargo.

Considerações finais

Um QI é uma troca de favores. A pessoa ou você se indicam, vocês podem trocar outros favores e a relação se fortalece daí. Lógico, QI não é a única coisa que você precisa para ser contratado. Você precisa de muito mais. Mas com QI, com certeza, seus esforços podem ter de ser bem menores para um cargo que você queira.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)