O patrão combinou aquela festança com os funcionários. E todo mundo foi convidado. Muitas destas festas tornam-se lendas. Algumas delas, não pelos motivos mais nobres. Sempre haverá aquele ou aquela que vai passar um vexame básico. Mas como evitar que essa pessoa seja você? O que você não deve fazer em festas de sua empresa?

Beber demais

Todo mundo gosta de ficar alegre. Daí pra ficar completamente chapado é um pulo. Você ri, derrama bebida por todos os lados e continua rindo.  Limite o nível do álcool que você bebe na festa da empresa, evitando misturar drinks. Se optar por beber um pouco mais, abuse do café e da água. Seja amigo dos seus comparsas de trabalho e ajude-os a fazer o mesmo.

Comer demais

Tudo em excesso faz mal. Se você adora levar aquela marmitinha com sobras para casa, evite isso nas festas da empresa. Ao comer demais também, suas mãos estarão sempre sujas e será difícil você fazer o social com seu chefe para amolecê-lo naquele aumento que você está esperando. Falar de boca cheia também vai dificultar qualquer tipo de interação. Portanto, evite o abuso, nunca retornando comida e jogando no lixo papéis, palitos de dentes e pratinhos plásticos.

Erro básico de etiqueta

Canapés e comidas de festas foram feitos para serem discretos e não atrapalharem o propósito principal de uma confraternização: a interação. Portanto, tome cuidado com os excessos! (Foto: fitorfake.com)

Falar demais

Você encontra o diretor geral da sua empresa. Conta detalhes de como foi sua mudança há seis meses atrás. em 15 minutos, ele já quis dormir umas 3 vezes, no mínimo. Salve tempo para conversar com todo mundo. Um bom líder é aquele que fala o necessário mas também sabe ouvir os outros. Evite falar de trabalho e demonstre interesse pelas histórias. Não se esqueça de agradecer aos organizadores da festa

Reclamar demais

Ao encontrar com o chefe do seu chefe, você começa a dar sugestões para os 30 problemas do seu setor. Uma festa é feita para celebrar, não reclamar. Um comentário mais crítico pode ser o começo de uma bola de neve de fofocas com seu nome envolvido. Pense no que é sábio falar, cumprimente a todos e mude de assunto quando alguém estiver reclamando.

Fugir demais

Você chega atrasado, dá uma volta pela sala, cumprimenta quem é importante e vai embora mais cedo. Todo mundo lembra quem faz isso. Esteja entre os primeiros a chegar e um dos últimos a sair. Isto demonstra seu comprometimento não só com a festa, mas com as pessoas que ali estão.

Roupas extravagantes

Não abuse: esteja formal, mas não tente se sobressair demais. Aquele teu terno com detalhes brilhantes não é apropriado. Nem aquele vestido com um mega decote. E nem deixem para preparar as roupas na última hora. Compre tudo com antecedência e seja bem sóbrio na escolha.

Convidados demais

Você e sua esposa foram convidados. Mas você quer levar aquele seu amigo do bar. E seu irmão. Se seus convidados não foram chamados, faça uma festa pra eles depois: a festa da empresa é da empresa.

Tempo demais com um/uma colega de trabalho

Você passou tempo demais conversando com aquele colega ou aquela amiga de trabalho. Em um momento, vocês dois sumiram para dar um passeio. Isso é receita para fofocas e problemas futuros. Evite isso e marque outras saídas e oportunidades onde o tempo de vocês será bem aproveitado com maior qualidade.

Não seja inocente. Mesmo que as pessoas estejam brincando, haverão comentários maldosos. Alguém irá criar fofocas. Portanto, cuidado: uma festa pode ser uma chance de ouro para se destacar para o bem ou para mal. Depende apenas de você.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)