Se você sente que você perdeu de estudo no exterior durante a escola e/ou faculdade, você tem outra chance. Atualmente, existem muitos que estudam no exterior em programas disponíveis para adultos. Se você quer aprender um novo idioma, aprender uma nova habilidade ou aprender sobre o mundo através de viagens, há um programa de estudo no exterior para você.

Adeque a sua busca por um programa baseado em seus objetivos. Muitos programas no exterior são específicos para linguagem, no entanto, estes variam em seu foco. Decida se você precisa aprender linguagem de negócios, preparação para exames ou quiser aulas particulares. Olhe em programas que não exijam a aprender uma língua, ou como estagiário ou voluntário em um negócio de caridade no exterior. Há também programas especiais, principalmente baseados em viagens ou atividades específicas, para adultos com mais de 55 anos de idade. Todos eles tem variadas opções de duração, que vão desde dias até meses.

Alguns programas exigem um certificado de ensino para que você possa fazer a viagem, mas outros têm qualificações menos rigorosas. Este tipo de programa pode ser especialmente útil se você quiser ter um gostinho do país e de sua cultura, sem gastar anos a aprendizagem de uma língua estrangeira. Os consulados dos países que você se interessa normalmente tem material disponível para interessados em cursos e em aprender sobre a cultura do país.

Encontre alojamento para a sua estadia. Muitos programas ajudam a conectar você com famílias de acolhimento ou aluguéis baratos, mas você também pode investigar alojamento por si mesmo se você está confiante em suas habilidades de linguagem. No entanto, você deve manter a recomendações do programa se você está estudando em um país em desenvolvimento que você não conhece bem.

Busque entrar ao máximo em contato com a cultura do país de destino. Isso significa diminuir seu contato com pessoas de seu país lá fora. A ideia é sair da sua zona de conforto.

Visitando o exterior

Aproveite a oportunidade dos vários programas de estudos em intercÂmbio para adultos, melhorando assim suas habilidades com uma língua estrangeira. (Foto: www.temple.edu)

Não meça esforços para buscar pessoas que possam te ajudar e te fazer companhia para praticar e estudar. Invista seu tempo e faça contato com essas pessoas para investimentos futuros. Se você está participando de um estudo de longo prazo no exterior programa, é vital que você encontre oportunidades que atendam seus interesses. Envolva-se e apresente-se a outros participantes para que você possa alargar a sua rede social. Isso ajuda você a mergulhar na língua-alvo e na cultura, bem como aliviar o choque cultural e a saudade de casa. Você também pode encontrar contatos de emprego no exterior.

Siga todas as regras do programa. Regulamentos do programa podem parecer restritivos para um adulto, mas eles podem ser incrivelmente importantes. Regras fazem de tudo para mantê-lo seguro em um ambiente desconhecido. Especialmente se o seu estudo no estrangeiro for um trabalho subsidiado, você quer fazer um esforço para ser um participante responsável. O intercâmbio deve ser divertido, mas perceba que suas ações podem ter consequências.

Separe muito tempo para a papelada e pesquisas até encontrar o melhor curso para você. Verifique as datas de vencimento para aplicações do programa e garanta que você tenha todos os documentos necessários para viajar e permanecer no país de sua escolha. Além disso, encontre e compare vários diferentes programas e preços, além de separar bastante dinheiro para a viagem.

Trabalhadores em tempo integral deve investigar programas de licença, ou usar o tempo de férias acumuladas, afim de tirar proveito de estudo no exterior. Aqueles com famílias precisam para fazer preparações especiais. No entanto, não desanime, já que alguns programas de estudo no exterior são tão curtos quanto 1 ou 2 semanas.

Existem programas que também não focam nos estudos e são mais informais. São mais raros, porém, mas não menos produtivos. Tudo vai depender do seu foco e do seu objetivo com o curso.

Esperamos ter ajudado e se ficou alguma dúvida, não deixe de perguntar nos comentários!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)