Todo mundo comete erros. Em muitas situações, você pode corrigir o erro ou simplesmente esquecê-lo e seguir em frente. Um erro no local de trabalho, no entanto, pode ser mais sério. Ele pode ter um efeito terrível sobre o seu empregador. Pode, por exemplo, colocar em risco um relacionamento com um cliente, causar um problema legal ou colocar a saúde ou a segurança das pessoas em risco. As repercussões acabarão chegando até você. Corrigir o seu erro e seguir em frente pode não ser uma opção, porque erros podem persistir e as coisas piorarem, quando o erro não é assumido e devidamente trabalhado. Ao cometer um erro no trabalho, sua carreira pode depender do que você faz em seguida.

Como lidar com o erro no trabalho: comece admitindo o erro

Assim que você descobrir que algo deu errado, informe imediatamente o seu chefe. A única exceção, é claro, se você cometer um erro insignificante que não vai afetar qualquer pessoa, ou se você pode corrigi-lo antes que ele afete alguém.

Caso contrário, não tente esconder seu erro. Fazer isso vai piorar as coisas se alguém descobrir, e você poderia até ser demitido por justa causa. Ser aberto sobre seu erro irá demonstrar profissionalismo, um aspecto para o qual a maioria dos empregadores dá muito valor.

Errei no trabalho: e agora, apresente um plano para corrigir o erro ao seu chefe

Há uma coisa que você deve tentar fazer antes de ir para o seu chefe: chegar a uma solução para corrigir o seu erro, juntamente com algumas alternativas para ela a considerar. Se não for possível chegar a algo rapidamente, vá até seu chefe de qualquer maneira, mas assegure que você está trabalhando em algumas soluções.

Depois de saber o que precisa acontecer, ouvir um feedback do chefe, apresente claramente o seu plano. Diga a ele quanto tempo vai demorar para implementar a correção e se existem quaisquer custos envolvidos. Esteja pronto para também apresentar suas soluções alternativas para o caso do chefe recusar a primeira solução. A resolução de problemas é uma habilidade de trabalho muito importante.

Lidando com erros no trabalho

Ao cometer um erro no trabalho, é essencial lidar com esse problema com calma, para que não piore e não afete sua posição na empresa. Isso significa também não tentar acobertar ou fugir do fugir do erro. (Foto: blog.locomote.com)

Cometi um erro grave no trabalho: não culpe ninguém

Você pode ter colaborado com outros funcionários sobre o projeto em questão, e cada membro da equipe que é responsável por seus sucessos e fracassos. Idealmente, todos devem abordar seu chefe em conjunto para alertá-lo sobre o erro e assumir a responsabilidade. Infelizmente, isso pode não acontecer. Sempre tem pessoas que dizem “não é minha culpa.” E mesmo que eles compartilhem a responsabilidade pelo erro, apontar dedos não vai ser uma experiência legal. No final, cada pessoa vai ser responsabilizada por suas próprias ações, e assumindo sua parcela de culpa, já é um bom começo.

Peça desculpas, mas não fique remoendo o erro

Há uma grande diferença entre admitir o seu erro e remoer um erro. Assuma a responsabilidade, mas não fique repreendendo a si mesmo para fazer isso, especialmente em público.

Quando você continua a a chamar a atenção para o seu erro, é exatamente o que vai ficar na mente das pessoas. Você quer que seu chefe se concentre em suas ações depois que você cometeu o erro, e não sobre o fato de que isso aconteceu.

Quando for possível, corrija o erro no seu próprio ritmo

Começar a trabalhar mais cedo, ficar até mais tarde e passar sua hora de almoço em sua mesa durante o tempo que for preciso para corrigir o erro não vai ajudar muito na sua saúde e nem na correção do erro. Faça um cronograma realista, usando as horas de trabalho normais, e um planejamento em casa de meia hora, no máximo, para lidar com o problema. Fazendo assim, é bem provável que você consiga corrigir o erro muito mais rapidamente.

Por que erro tanto no trabalho?

Estou errando muito no trabalho. Há várias causas que podem levar a esses resultados, sendo o aspecto psicológico o mais relevante. As pessoas geralmente não erram tanto, mas se levam a acreditar nisso, ou estão em ambientes de trabalho tóxicos, em que qualquer deslize é um erro.

Outro aspecto importante é a falta de treinamento e monitoramento dos profissionais envolvidos em um projeto. Um chefe não pode esperar um bom resultado se seus colaboradores não tem o preparo apropriado. Exija esse preparo, esse suporte, mas não fiquei jogando a culpa nos outros quando fizer isso.

Para lidar com esses dois problemas em relação aos erros, admita primeiro que o erro é parte do processo. É um caminho que não deu certo, e que pode ser descartado ou colocado de lado. O erro é uma oportunidade de aprendizado importantíssima para qualquer empresa.

O funcionário que tem errado muito deve sempre anotar seus erros, entender as causas, lidar com elas. Conversar com o chefe e seus pares para orientações, fazer um plano de ação para os erros.

Como você lida com seus erros no trabalho? Já teve alguma situação em que um erro complicou sua vida profissional?

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)